CFM faz alerta sobre riscos de proibir uso de remédios para emagrecer

O Conselho Federal de Medicina (CFM) divulgou no último dia 12 de agosto (quinta-feira) uma nota pública onde explica as posições contrárias a suspensão da venda de remédios pela emagrecer no Brasil, provável posição da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Este documento foi escrito pelos médicos e enviado diretamente ao Ministério da Saúde e a outros membros da Câmara e Senado Nacional, afim de pesar na iminente decisão da Anvisa, até o final de mês. No mesmo documento, a CFM reclama que a Anvisa não leva em conta os argumento do conselho.

Segundo CFM, possível proibição dos remédios para emagrecer pode agravar doenças ligadas a transtornos de peso.

O assunto ainda é tema de muito debate nos conselhos regionais de medicina, dos quais estudam mobilizações e  manifestações contrárias a proibição. A entidade está disposta a entrar na Justiça caso a medida seja aprovada, para eles a adoção da mesma fere “a autonomia de médicos e coloca os que lutam contra obesidade em situação de risco”.

Fonte: CFM.org

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *